telefone(85) 4009.6300

Grupo de Choro da UECE faz apresentação no Museu da Indústria neste sábado, 4 de julho

02/07/2015 - 15h07

Uma manhã de música regional brasileira irá movimentar o Museu da Indústria no sábado, dia 4 de julho, às 10h. O Grupo de Choro da Universidade Estadual do Ceará (UECE) participa do programa Música no Museu, com repertório de releitura da obra de Aníbal Augusto Sardinha e K-ximbinho e repertório erudito adaptado ao formato regional de instrumentos do Choro no Brasil. A apresentação faz parte do projeto Viva o Centro Fortaleza. A entrada é gratuita.

O Grupo de Choro da UECE foi fundado em abril de 2014 com existência dedicada ao Choro e proposta de dinamizar-se como atividade artístico-cultural no contexto da comunidade acadêmica sob a orientação do professor Pablo Garcia da Costa. O grupo conta com seis integrantes, sendo quatro bolsistas do Programa de Iniciação Artística pela PROEX/UECE.

Além do estudo de performance musical, repertório e pesquisa, o grupo também estuda a história, a origem e a evolução social de músicos e compositores no contexto da música popular instrumental brasileira do século XX. A direção musical do grupo é do professor Pablo Garcia, em parceria com o bolsista Pedro Madeira, arranjador e bandolinista.

Os integrantes são Pedro Madeira (bandolim 10), Pablo Garcia (bandolim 10), Brenna freire (cavaquinho), Natanael Pereira (gaita), Bruno Vasconcelos (percussão), Valnei Rodrigues (violão 7) e Lucas Bessa (violão 6).

Música no Museu
Música no Museu é um programa do Museu da Indústria para levar apresentações musicais em formatos diversos, sejam espetáculos didáticos, lúdicos, teatrais ou musicais. Na primeira edição do Viva o Centro, no dia 23 de maio, o programa realizou uma apresentação da Orquestra Sinfônica da UECE.

Viva o Centro Fortaleza
O projeto tem como objetivo principal a valorização do Centro sob o aspecto cultural, promovendo uma melhor qualificação do uso e preservação dos espaços públicos e privados. O projeto realiza ações mensais, aos sábados, durante todo o dia, com programação articulada entre os espaços participantes. Cada um deles cria sua programação e se articula com as demais, de forma a estimular que o público visite o Centro e permaneça no local para participar de outras atividades. A programação é voltada a um público diversificado, como pessoas de menor acesso a cultura, usuários habituais do Centro, dentre outros.

A programação no Museu da Indústria inicia com café da manhã no Bistrô, o AMI Restaurantes e Depois, que também estará disponível para almoço. O espaço permanece aberto de 9h às 17h. Além da apresentação do Grupo de Choro, quem visitar o espaço pode conferir a exposição de longa duração "História da Industrialização do Ceará", um convite a fazer uma viagem no tempo e conhecer a rica e fascinante história da industrialização cearense que se inicia com o ciclo do couro e chega até os dias atuais.

Serviço
Apresentação do Grupo de Choro da UECE no Museu da Indústria - Entrada gratuita.
Data: 4 de julho, às 10h
Local: Museu da Indústria (Rua Dr. João Moreira, 143 – Centro – Em frente ao Passeio Público)
Informações: (85) 3201.3901

Confira o repertório:
Sonoroso (K-ximbinho)
Araponga (Luiz Gonzaga)
Apanhei-te Cavaquinho (Ernesto Nazareth)
Capricho de Raphael (Hamilton de Holanda)
Santa Morena (Jacob do Bandolim)
Os Oito Batutas (Pixinguinha)
Fuga do Meliante (Dudu Maia)
13 de Dezembro (Luiz Gonzaga)
1x0 (Pixinguinha)
Noites Cariocas (Jacob do Bandolim)
Assanhado (Jacob)/Brasileirinho (A maior) (Waldir Azevedo)
Odeon (Ernesto Nazareth)
Carinhoso (Pixinguinha)
Eu Quero é Sossego (K-ximbinho)
Naquele Tempo (Pixinguinha)
Desvairada (Garoto)
Arioso - bach
Junho - Tchaikovski
Czardas - Monti
Bachiana 5 - Villa-Lobos
Ala turca - Mozart

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

SESI - ​​Serviço Social da Indústria | CNPJ: 03.804.327/0001-04
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
Política de Privacidade & Copyright