telefone(85) 4009.6300

FIEC, SESI, SENAI e IPREDE assinam termo de cooperação para oferecer capacitação profissional e educação a mães de crianças atendidas pelo instituto

25/01/2023 - 13h01

Na manhã desta terça-feira, 24/01, foi assinado um termo de cooperação entre a FIEC, através do SESI e do SENAI Ceará, com o Instituto da Primeira Infância (IPREDE), para ofertar formação profissionalizante e educação a mães de crianças atendidas pela instituição reconhecida por promover o desenvolvimento da primeira infância, fortalecendo também mulheres e a inclusão social de famílias que vivem em situação de extrema vulnerabilidade. As formações começam em fevereiro.

Na sede da FIEC, o Presidente Ricardo Cavalcante, juntamente com o Superintendente Regional do SESI e Diretor Regional do SENAI, Paulo André Holanda, recebeu o Presidente do IPREDE, Sulivan Mota, e o antropólogo e sociólogo João Furtado, coordenador de Ações Sociais e Gerente Institucional do IPREDE. Com a assinatura do termo, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Ceará vai oferecer os cursos de costureira e salgadeira; e o Serviço Social da Indústria do Ceará ofertará os cursos de Educação para Jovens e Adultos (EJA), com o objetivo de capacitar a comunidade local, com consequente retorno à sociedade através da educação, elevando, assim, a empregabilidade e a renda da população.

“Estamos iniciando o projeto com cem mulheres, nos cursos de confecção e salgadeira, para que elas possam entender como transformar a vida delas, no âmbito pessoal e no âmbito do emprego e geração de renda. O Sistema FIEC, através do SESI e do SENAI, fica muito feliz em participar desse processo que é uma semente, pois isso não pode parar. É dessa forma que essas pessoas, atendidas pelo IPREDE, daqui a pouco, serão geradoras de renda, estarão apoiando a instituição e, principalmente, dando seu exemplo para outras mulheres”, afirma o Presidente da FIEC.

Todas as participantes, ao final dos cursos, receberão certificados do SENAI que têm abrangência nacional, podendo conseguir empregos com salários melhores. “A profissionalização é a porta de saída da miséria para a vida com dignidade. O exemplo que sentimos é que a FIEC vê a transformação social e não apenas o crescimento do segmento corporativo que ela representa. Não há crescimento social que não seja global e não chegue aos indivíduos de todas as classes sociais. [Este projeto] É a libertação para essas mulheres e suas famílias, pois cada uma delas representa uma família de quatro a seis famílias”, diz o Presidente do IPREDE.

Segundo Paulo André Holanda, além da própria atividade técnica na área de confecção e fabricação de salgados, as pessoas atendidas pelos cursos vão ter a oportunidade de se capacitar para empreender. “Neste projeto, aliado aos cursos técnicos de capacitação profissional, vamos também ofertar o curso de empreendedorismo e de valores humanos. É com muita satisfação que SESI e SENAI, por meio de seus instrutores e colaboradores, vão iniciar, em fevereiro, essas capacitações junto com a EJA, alfabetizando as pessoas que precisam. Agradeço ao Presidente Ricardo Cavalcante, por esta visão estratégica, e ao Dr. Sulivan Mota, que é uma pessoa que faz um trabalho magnífico em prol da população”.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

SESI - ​​Serviço Social da Indústria | CNPJ: 03.804.327/0001-04
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
Política de Privacidade & Copyright