o Banco Santander S.A foi condenado a pagar uma multa de R$ 500 mil por não ter emitido o formulário de Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT) referente a 54 acidentes de trabalho. A ausência do documento pode dificultar a concessão de benefício do INSS aos acidentados.

De acordo com o artigo 22 da Lei 8.213/1991, que trata dos Planos de Benefícios da Previdência Social, o empregador é obrigado a comunicar à Previdência Social até o primeiro dia útil seguinte ao acidente. Em casos fatais, deve ser realizada imediatamente.

A Copa do Catar teve a sua reputação manchada após o jornal inglês The Guardian denunciar que mais de 6.500 trabalhadores haviam morrido na construção dos estádios do evento e nas obras de infraestrutura de aeroportos e rodovias do país-sede. 

Por entender que isso afetaria a imagem do Catar e possíveis investimentos, o Governo tentou abafar o caso e afirmou que o número girava em torno de 400 ou 500 trabalhadores de acidentes fatais.

SESI é Top of Mind em segurança do trabalho

Quando o mindset da empresa torna as ações de Saúde e Segurança do Trabalho (SST) um investimento em vez de despesas, os colaboradores ganham mais qualidade de trabalho e a empresa se torna mais competitiva, com ganho de produtividade e redução de gastos médicos e trabalhistas.

E sobre isso, o SESI é expert no assunto. Pelo quarto ano consecutivo, estamos entre os vencedores da categoria “Entidades Prestadores de Serviços” do Prêmio Top of Mind Proteção. 

Confie a Saúde e Segurança da sua empresa com quem entende do assunto. 

O SESI ajuda a sua empresa na adequação dos Programas Legais:

E também em Laudos e Avaliações: 

Clique aqui e fale diretamente com a nossa equipe!

">
Escola SESI SENAI: Uma metodologia diferenciada de ensino voltada à formação integral do estudante – Blog SESI de Saúde e Segurança
descer
SESI
Escola SESI SENAI: Uma metodologia diferenciada de ensino voltada à formação integral do estudante

Dentre as várias características que tornam a Escola SESI SENAI um espaço referência de educação no Ceará, destaca-se o fato de que a instituição proporciona de fato uma formação integral para seus estudantes. Em virtude disso, “a escola possui um conjunto de ações e projetos que visam o tempo todo desenvolver o protagonismo estudantil”, afirma o professor Robério Ferreira, diretor da unidade de Fortaleza.

De acordo com o diretor, as iniciativas desenvolvidas permitem ao estudante se tornar uma pessoa muito mais consciente da sua postura como cidadão. Essa ação, nas palavras do diretor, possibilitará que o aluno, ao sair da Escola SESI SENAI, “seja responsável pelo protagonismo na sua comunidade, na sua faculdade, no seu trabalho e onde ele estiver”.

E tudo isso só é possível graças a uma metodologia de ensino focada no amadurecimento do senso de cidadania, no protagonismo estudantil e na integração dos conhecimentos. Para tanto, a escola possui vários espaços que possibilitam diferentes métodos de aprendizagem, sendo a robótica o carro chefe. De acordo com o diretor, a robótica é interdisciplinar e acompanha os estudantes desde o primeiro ano do Fundamental 1 até o terceiro ano do Ensino Médio. “Ela é uma das principais ferramentas metodológicas úteis para encantar e atrair os alunos, o que facilita a sua aprendizagem”, afirma Robério.

Outro fator que chama a atenção para a metodologia diferenciada da escola é a inclusão da Cultura Maker em todas as disciplinas da escola. A Cultura ou Movimento Maker parte da ideia do “DIY (Do It Yourself)” ou “Faça Você Mesmo”. Inicialmente, a ideia ficou mais concentrada em laboratórios e na criação de tecnologias, porém, atualmente, seu conceito já é uma realidade também em muitas escolas do mundo. Assim, a Escola SESI SENAI trabalha constantemente com todos seus estudantes uma cultura de aprendizagem que aproxima o pensar do fazer. Segundo o diretor, “o Maker perpassa todas as disciplinas por meio de projetos desenvolvidos a partir dos conceitos apresentados em sala de aula. Por isso, cada área do conhecimento desenvolve uma ação durante todo o ano que culmina com algum produto que é entregue ao final do período letivo”.

Para além da Robótica e da Cultura Maker, outro diferencial da escola é a capacitação profissional do estudante, principalmente após a introdução do Novo Ensino Médio na grade curricular da instituição. “O aluno sai daqui com uma ocupação. Ele pode até optar por um curso do ensino superior, mas ele já sai com uma formação”, garante o diretor.

Como se vê, cidadania, protagonismo social, conhecimento científico e capacitação profissional são os pilares da Escola SESI SENAI que possui três unidades no Estado do Ceará (Fortaleza, Juazeiro do Norte e Sobral).

As matrículas para 2022 começam amanhã, dia 1º de setembro, e você tem a chance de garantir para seu filho ou filha um lugar em uma instituição cujo ensino é voltado para a vida toda dos seus estudantes.

Clique aqui e saiba mais sobre a escola.

Comentar